HISTÓRIA ORAL, IDENTIDADE E A CONSTITUIÇÃO DE UM CURRÍCULO

Jardel da Silva Costa, Márcia Maria Fusaro Pinto

Resumo


Apresentamos neste texto reflexões que nos levaram a considerar a história oral como uma metodologia promissora para compreender a constituição do primeiro currículo de licenciatura em matemática a distância do Brasil. Tais reflexões são fundamentadas em aproximações possíveis entre as teorias de currículo e da história oral e fazem parte de uma pesquisa de doutorado em andamento que pretende situar o primeiro currículo de formação de professores de matemática a distância do Brasil em uma perspectiva historiográfica, compreendendo-o em sua singularidade. Para construir nossos argumentos apresentamos pressupostos das teorias de currículo contextualizados em particularidades da formação de professores de matemática e suas implicações nas possibilidades de investigação em Educação Matemática. Refletimos como as identidades do grupo de formadores de professores poderiam influenciar as próprias identidades daqueles que passam pelo curriculum do curso.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista de História da Educação Matemática