A MATEMÁTICA NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES DO ENSINO PRIMÁRIO: a proposta de José Moreirinhas Pinheiro (1923 – 2017) para o ensino dos decimais

Rui Pedro Candeias

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo analisar a proposta didática de Moreirinhas Pinheiro (1923-2017) para o ensino dos números racionais não negativos, publicada na obra Introdução ao Estudo da Didáctica Especial: para uso dos alunos-mestres das escolas do magistério primário. O autor é uma figura de referência na formação de professores em Portugal, durante as décadas de 1960 e 1970. Numa época marcada pelo Estado Novo em Portugal, e onde começam a surgir as primeiras influências do Movimento da Matemática Moderna no ensino primário, é relevante perceber qual era a proposta de iniciação aos números racionais não negativos apresentada por este autor. A escolha deste conteúdo deve-se às dificuldades que os alunos do ensino primário normalmente têm na sua aprendizagem, assim como os professores têm no seu ensino. O estudo foi conduzido numa perspetiva histórica, baseada numa análise documental. Os resultados mostram que o autor privilegia a representação decimal na primeira abordagem aos números racionais, motivada pela influência do programa oficial do ensino primário da época e pela afinidade que esta representação tem com a estruturação e as operações com os números naturais. Salienta-se também que nesta proposta, o autor defende um modelo de ensino baseado no questionamento, onde os alunos são induzidos a estabelecer as regras através da apresentação de diferentes exemplos e da colocação de questões por parte do professor.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista de História da Educação Matemática