UMA GENEALOGIA NA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA DO RIO GRANDE DO NORTE

Wguineuma Pereira Avelino Cardoso, Liliane dos Santos Gutierre

Resumo


Este artigo é parte de uma pesquisa Mestrado que investigou a implantação e consolidação das Linhas de Pesquisa que se voltam para a Educação Matemática, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), assim, nosso objetivo é apresentar uma caracterização genealógica dos educadores matemáticos, precursores das pesquisas, nas Linhas investigadas, e também a descendência advinda dessa genealogia, que se dá pelo critério de orientação acadêmica. Esta pesquisa se justifica pelo fato de, em 1995 ser criada uma Linha de Pesquisa intitulada Educação Matemática e, em 2002, outras Linhas são implantadas em outro Programa, na mesma universidade, com pesquisas voltadas à Educação Matemática. Em uma perspectiva das novas tendências metodológicas da escrita da história, que se volta ao estudo da dimensão cultural de uma determinada sociedade historicamente localizada (Burke, 2011). Analisamos documentos institucionais, Currículos Lattes dos professores, realizamos entrevistas semiestruturadas e utilizamos como referência o construto teórico de Fleck (2010), que defende o conhecimento nas atividades organizadas por comunidades de pesquisadores, vinculados a estilos de pensamento coletivos. Os resultados desta pesquisa contribuem significativamente para a Educação Matemática brasileira, pois identificam as tendências das pesquisas no Rio Grande do Norte (RN), Brasil.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista de História da Educação Matemática